top of page

Lei 14.297/22 prevê medidas de proteção aos entregadores de aplicativos

Por Lais Gattai André


Foi sancionada a Lei 14.297/22, que dispõe sobre medidas de proteção, asseguradas aos entregadores, que prestam serviços por intermédio de empresa de aplicativo de entrega, durante a vigência da emergência em saúde pública decorrente do coronavírus.


Segundo a norma, dentre outras disposições, a empresa de aplicativo de entrega, deverá contratar seguro contra acidentes, sem franquia, em benefício do entregador, para cobrir exclusivamente acidentes ocorridos durante o período de retirada e entrega de produtos.


Vale ressaltar que as medidas de proteção previstas na referida lei, independem de vínculo empregatício com a empresa de aplicativo.



Ficou com dúvidas ou gostaria de maiores informações sobre o tema? Entre em contato conosco para que possamos melhor orientar.


31 visualizações0 comentário
bottom of page